1 de maio de 2012

| Que Trabalho!

Confuso, é como me sinto... 

No dia do trabalho me pergunto, o que estou fazendo da minha vida? 

Com 26 anos... começei a trabalhar com 21, hotelaria... quem me conheçe a mais tempo, (Foxx e Marcelo), lembram que foi a forma que eu encontrei de dar sentido a minha vida, ja havia terminado o curso técnico de radiologia médica, que meu pai me forçou a fazer para não ficar "parado" já que ele não havia me permitido fazer faculdade em Minas, porque Minas? Porque eu queria Farra, e nada como uma boa república mineira pra nos proporcionar isto certo? Bom papai sacou minha jogada, e quando percebeu que nem o curso eu tinha decidido ainda brecou essa minha experiência estudantil.

 

Eu ja havia concluido o curso a 1 ano, Não estava trabalhando na área por opção, na verdade veio a calhar com o término de um dos R's de minha vida, foi um ano de balada, fervo e muita colocação... de passagem comprada, pra ir morar com minha tia em Firenze, 5 dias antes depois de uma noite de ferveção, acordo num sabado com o sentimento de que esta viagem iria me prejudicar, foi quando cheguei em casa, e solicitei um emprego ao meu pai, o que mais que depressa conseguiu, na segunda seguinte estava eu de frente a um hoteleiro da minha cidade, -Corte seu cabelo e coloque seu uniforme!.

 

Ali, minha carreira no meio hoteleiro começou, uma espécie de Hostess, Sorria e informava a mesa dos hóspedes, nas suas refeições, saindo de lá ia para a recepção ajudar da forma que possível fosse. Fui o último dos recém contratados daquela temporada  a ser dispensado... neste meio tempo prestei o concurso público para téc. em radiologia e Passei.


Papai dando pulos de alegria que me informou, Eu é? que bom né?...

Fiquei mais 1 mês parado, e através de um conhecido, consegui uma entrevista no hotel que trabalho até hoje, começei como recepcionista, fiquei um semestre assim, até que a oportunidade da gerência de eventos me foi ofertada, abraçei com unhas e dentes, e amei fazer aquilo, sacrificar meus sábados, feriados por noivas e eventos...tudo indo bem até eu ser chamado no concurso... 4 anos depois, 1 semana antes de ser anulado pelo tempo... 

 

Ano passado mesmo, lancei a crise pessoal aqui... eu conseguiria conciliar ambos, oque fiz bem durante alguns meses, depois me cansei, começei a dar furos ou em um ou em outro...

 

Hoje, concursado a 1 ano... e na gerência do hotel, a quase 5 anos... Ambos com salários bons.. me pergunto estou satisfeito?

 

Não consegui ir trabalhar neste final de semana, 3 eventos forão perdidos por mim, fiquei em casa, sozinho... Meus pais forão para Curitiba o que me deu espaço,  de dormir bastante e pensar muito na vida...

 

É meio dificil entender o porque dessas crises né? pqp! Meus amigos, me olham e dizem, Diego avalie, muitos queriam seu lugar... sua sorte... será?

 

Preciso de Metas... um café quente da minha mãe e talvez um Amor. 

4 comentários:

FOXX disse...

sim, o que falta são metas mesmo. e eu qria estar no seu lugar. tem lugar pra mim no hotel não?

Fred disse...

Se o problema é metas...
Deixa que meto pra vc!
Hahahahahahahahaha!
Tava sumido, hein? Deusmelivre de perder a companhia da bundoquinha mais redondinha de Blogsville... hahahaha!
Beijão, querido!

Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz disse...

METAS! prioridade um da vida!

O Rei do Drama disse...

Deitou no divã, querido? As vezes o que falta na gente é só um respiro.
Bjo