26 de março de 2012

| Explanando...

Então vamos lá...

Sempre foi do meu perfil se relacionar com “Pseudo Héteros”, ou bissexuais em ascensão, e a facilidade que estes surgem em minha vida é tamanha que basicamente todos os meus grandes lances, rolos, namorados surgiram assim, do nada... Ao acaso.

Em um momento eles estão no meu dia a dia e no outro fazem parte dele... São amigos curiosos, que acabam se sentindo seguros em estar matando esta vontade comigo... Eu com absoluta certeza podemos dizer que em 70% dos casos fui surpreendido, os outros 30% percebi com o tempo, e confesso ter premeditado encontros casuais, situações onde as coisas fluíssem para algo que sabemos bem o que é...

Posso dizer ainda que não me ache namorável... Sou meio desligado no quesito, cíumes, dividi boa parte de meus ficantes, namorados com amigas... E nunca liguei pra este detalhe, o acordo sempre foi claro... Ficas com quem quer desde que me comunique... Claro que vez ou outra, vetei esta ou aquela garota... Hum, a clausula não era válida para homens... Eles podiam ficar com garotas mais eu sempre deveria ser único... E Acredito ter sido durante os relacionamentos que mantive.

Nunca sofri com este meu jeito de namorar, mesmo porque namorado 24 horas no pé não faz meu tipo, sou aquariano adepto do desapego... Preciso de tempo para amigos, trabalho e muita das vezes um namoro em tempo integral sufoca um ou outro... Eu enquanto namorando, atendo meus eventos sem problemas, meus amigos quase nunca percebem que estou namorando... Fora que os encontros são de entrega, quentes... Quando estamos juntos.. Estamos realmente juntos... E Eu definitivamente não vejo desvantagens... É um namoro comum, temos obrigações como qualquer outro casal, com datas, viagens, jantares ou almoços durante a semana, sms e ligações são bastante utilizadas... Tem de conhecer e fazer parte do círculo de amigos, para facilitar encontros, a família deve estar envolvida... Sou amigo de todos os pais deles, as mães sempre me acham fofo... E as irmãs então sou um aliado!

O que acham desse meu modo de levar as coisas? Como enfrentariam?

11 comentários:

Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz disse...

nunca admiti para mim um amor q me sufocasse ... tem q haver sim espaço para tudo na vida ... vida a dois tem passar por este aprendizado sim ... felizmente comigo e o Elian isto ocorreu com alguns percalços mas ocorreu ... graças a Deus ...

bjão

FOXX disse...

ah, eu sei dessas estorias...
sei bem dessas estórias
ahauahauhauahau

FOXX disse...

como eu já disse lá no meu blog: por algum motivo, não consigo mudar nada no meu blogroll...

Cesinha disse...

Uma singela opinião, se me permite (kkkkkk): isso tudo ATÉ você realmente amar alguem! Pois aí, meu querido, você vai voltar aqui pra contar pra gente que vive lindamente suas 24 horas do dia com ele "no seu pé"... ou em outras partes, decididamente mais interessantes (kkkkkk).

Beijão

PS: Deus é bom, Deus existe... você está escrevendo e acabou a montanha russa (kkkkk)

Fred disse...

Quem nunca duvidou da sua própria "namorabilidade" que jogue a primeira pedra... hehehe! Mas uma hora acontece. E querido... vc não enogorda, não. Vc fica é mais gostoso. Hahahaha! Bjão, DieGOSTOSO!

Wanderley Elian Lima disse...

Obrigado Diego. Seu carinho é importante para a dupla Bratz e Elian.
Bjux

::::FER:::: disse...

Já fui assim, mas eu mirava a vitima e enquanto não tinha o dominio eu não descansava muitas vezes fiz só pra ter certeza que eu podia, ou que a pessoa não resistiria, mas meu mundo atual está tão distante dessa peste que fui, que qdo leio textos iguais a esses eu lembro do meu passado como se fosse a vida de outra pessoa.

Cara Comum disse...

Olha, se vc está feliz, acho que isso é o importante. afinal é vc quem tem que encontrar a forma que faz vc feliz dentro de um relacionamento, não é?

Quanto aos "pseudo heteros", eu raramente tenho contato com um. acho que meu jeito de preferir as coisas "às claras" assusta esse povo... Hehehehe

Abraços!!

Margot disse...

Confesso que não consigo ser "tão liberal". Você permite as "namoradas", mas quer ser o "único" homem. Isso já diz muito sobre essa sua (pseudo)liberalidade. Pense em alguém de quem você amou, ou pense em amar. Você se sentiria bem em ver outra pessoa (homem/mulher) "botando a mão e o resto" no seu "material"?
Ser humano é ciumento e egoísta(uns mais outros menos) por natureza. Sua maneira de ser certamente vai mudar.....com o tempo ou com um amor. Ai sim, vc vai "SE JOGAR".
Abraços Diego, prazer estar aqui.

Lú - RJ disse...

Acho que quando vc amar alguém de verdade tudo isso vai mudar um pouco de figura. Acredite! hehe!

Abração!

Lobo disse...

Eu acho super tranquilo. Se você consegue seguir um namoro nesses termos, e o outro também, se existe acordo, então é válido.